top of page
  • Foto do escritorMariana Lobo

Psicoterapia Infantil. Quem vai ao Divã?






Quando tratamos da terapia infantil, utilizando além do setting terapêutico para trabalhar os comportamentos da criança ou dos pais?

Se um dos melhores motivadores de intervenção que temos a nossa disposição são os modelos, tanto os pais como por vezes a escola se fazem de suma importância no caso.


Pegamos esses dois ambientes pois é onde, na maioria dos casos, a criança passa seu maior tempo e onde consequentemente vai apresentar alguma dificuldade ou questão.

Então, para se alcançar resultados mais positivos e qualitativos da terapia, é interessante que haja uma comunicação entre o profissional e quem acompanha a criança.


O objetivo é que ela generalize, se desenvolvendo de modo mais assertivo e independente nos diversos ambientes onde se encontra.


Algumas formas que podem facilitar no processo são :


- as trocas efetivas de comunicação entre os responsáveis e profissionais


- Feedbacks contínuos


- Se essa criança é acompanhada por equipe multiprofissional, ter a troca de comunicação entre esses profissionais.


- Entender sobre o cérebro infantil


- Reconhecer os próprios limites, pois o trabalho com crianças pede: paciência, repetição e constância.



Mariana Lobo

11 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


Estamos aqui para oferecer uma saúde completa que permite deixar seu legado no mundo. 

Prazer, somos a Clínica Ânima, seu recanto acolhedor com uma multiplicidade de profissionais focados na sua saúde e da sua família.

profissionais-clinica-anima-brasilia.jpg
Whatsapp conversar
bottom of page